PEGADAS NA AREIA - Relembrando!!!!




Os versos simples desse poema sempre me comoveram...nunca soube quem escreveu,para mim o importante era a mensagem, mas hoje sei que ele tem mais de 40 anos e que existe uma discussão sobre quem teria sido a real escritora,se uma canadense ou uma americana já falecida...bem, não citarei o nome de uma ou de outra,na dúvida,me limitarei a afirmar que não é meu (Claro kkkkk). Todas as pessoas já leram ao menos uma vez na vida as encantadoras palavras em que “reclamamos” (sempre li como se fosse aquele personagem) e Jesus esclarece amorosamente que nunca nos abandona e que as pegadas visíveis na areia são as dele,quando “me” carregava nos braços kkk. É,por que nós somos tão qual crianças birrentas que quando uma situação não termina como esperamos,esperneamos e dizemos que Jesus nos abandonou (não todos, claro!),só esquecemos que tal como pai zeloso, Jesus irmão zeloso que é só nos dá o que for melhor pra nós,assim como fazemos com nossas crianças,elas choram um pouco ,mas acabam por entender...isso também é amor! Dizer não é uma forma de amar! E nós “crianças grandes” sabemos bem disso,no entanto nos rebelamos as vezes. Sigamos o exemplo dos pequenos que não remoem e rapidamente passam a dedicar sua atenção a outro assunto ;) Vamos recordar? Tenho um segredinho pra vocês (que ousadia a minha kkk) em cada época de nossa vida,essas belas palavras nos dizem algo novo ;)


"Uma noite eu tive um sonho...
Sonhei que estava andando na praia com o Senhor
e através do Céu, passavam cenas da minha vida.
Para cada cena que se passava, percebi que eram deixados
dois pares de pegadas na areia;
Um era meu e o outro do Senhor.
Quando a última cena da minha vida passou
Diante de nós, olhei para trás, para as pegadas
Na areia e notei que muitas vezes, no caminho da
Minha vida havia apenas um par de pegadas na areia.
Notei também, que isso aconteceu nos momentos
Mais difíceis e angustiantes do meu viver.
Isso entristeceu-me deveras, e perguntei
Então ao Senhor.
"- Senhor, Tu me disseste que, uma vez
que eu resolvi seguir-Te, Tu andarias sempre
comigo, todo o caminho. Contudo, notei que
durante as maiores atribulações do meu viver
havia na areia dos caminhos da vida,
apenas um par de pegadas. Não compreendo
porque nas horas em que mais necessitava de Ti,
Tu me deixaste sozinho."
O Senhor me respondeu:
"- Meu querido filho. Eu te amo e
jamais te deixaria nas horas de provação
e sofrimento.
Quando viste na areia, apenas um par
de pegadas, foi exactamente aí que nos braços te carreguei."

Sem palavras!!!! Um bom dia a todos!

Cheirinho!

Vivi Oliveira

2 comentários:

Elis (Coisas de Lily) disse...

Adoooro!
Sempre comove, conforta, edifica.
beijos!

Lola disse...

Lindo, lindo e lindo!

Estou te seguindo por aqui amiga!
Bjs
http://entreinosenta.blogspot.com
@lolaspfc